Chaga: afinal o que é ?

Chaga: afinal o que é ?

Inonotus obliquus ou mais comumente conhecido por Chaga, este cogumelo atrai todas as atenções mesmo de quem é novo no mundo dos cogumelos medicinais!

Mas vamos começar a desmistificar este fantástico cogumelo…ou parasita?

Utilizado por milénios em todo o Báltico, Polónia, Sibéria e Rússia. Nesses locais este cogumelo cresce abundantemente sendo um ingrediente bastante prezado e valioso na medicina tradicional.

Nos tempos de hoje, Chaga é usado e bastante procurado pelas suas propriedades ricas em antioxidantes e componentes que reforçam o sistema imunitário, pode ser tomado individualmente ou misturado em blends.

Chaga é um génio do disfarce e pode mesmo passar-nos ao lado num passeio numa floresta de bétulas (birch trees), e este facto acontece porque o chaga não apresenta o corpo frutífero comum de um cogumelo! E o mais curioso é que vemos suplementos ou extratos feitos com base em corpos frutíferos de Chaga e isso não é possível!

Este cogumelo não é usado nunca na sua forma de corpo frutífero, a parte usada deste cogumelo denomina-se esclerócio, uma massa castanha escura. O esclerócio é nada mais nada menos que uma forma endurecida de massa micelial e é esta forma usada em extratos!

Mas como cresce a Chaga?

Chaga é um parasita que usa as bétulas como hospedeiro - infecta uma árvore que tenha uma ferida, e entrelaça-se com a árvore. Embora seja considerado um parasita, forma uma relação simbiótica com as árvores em que cresce, protegendo a cortiça ferida ou danificada de agentes patógenos externos. É um fungo de crescimento lento e muitas vezes cresce com uma árvore por anos. Chaga não se parece com um cogumelo típico - na maioria das vezes parece uma parte queimada ou danificada de uma árvore e tem uma textura firme e parecida com uma casca.

Chaga é frequentemente usado como um suplemento para ajudar a reforçar o sistema imunitário ou reduzir a inflamação. Também tem sido usado para ajudar a combater o cancro, baixar o açúcar no sangue e ajudar a reduzir o colesterol.

À medida que Chaga se tornou mais popular, a colheita excessiva tornou-se um problema e esta espécie encontra-se mesmo em risco de extinção. Investiga sempre como são obtidos os cogumelos que consomes, quem os cultiva e como.

Se tiveres a sorte de encontrar chaga no seu habitat natural respeita a Natureza e recordamos-te que levam anos a crescer pelo que a sua destruição pode mesmo por em causa o seu crescimento.

Outro facto curioso do Chaga é que foi usado como substituto do café na Finlândia durante a Segunda Guerra Mundial.

Com um sabor terroso e complexo pode ser consumido como um chá e é um favorito quando procuramos por um efeito energético sem cafeina.

A massa micelial dos cogumelos nos produtos Mushroom Power™ e Mushroom Power Blend™ da Gribb® são cultivadas por nós em substratos de aveia integral biológica certificada e sem glúten, ao longo do crescimento das espécies, estas tornam-se potências nutricionais ricas em nutrientes bioativos.

Começa hoje a beneficiar do poder da Chaga na versao Mushroom Power™ ou misturado com outros cogumelos no Mushroom Power Blend™.

 

Estudos:

Voltar para o blogue